Escolha sua plataforma e compre
Experimente grátis por um mês com 10 licenças.
Para que vai ser usada a conta?
Cadastre-se
loading

Ao se registrar e usar CogniFit, você aceita que leu, entendeu e que está de acordo com as de Uso e a de Privacidade de CogniFit.

corporativelanding_Planificacion_social_picture
  • Acesse uma bateria completa de testes cognitivos para avaliar sua capacidade de planejamento

  • Identifica e analisa as alterações ou déficits

  • Ferramentas validadas para melhorar ou reabilitar o planejamento e outras funções executivas

loading

O que é o planejamento?

O planejamento é uma capacidade cognitiva fundamental que faz parte das funções executivas.O planejamento pode ser definido como a capacidade para "pensar no futuro", antecipar mentalmente o caminho correto para realizar uma tarefa ou alcançar um objetivo específico.

O planejamento é o processo mental que nos permite escolher as ações necessárias para alcançar um objetivo, decidir a ordem correta, atribuir cada tarefa aos recursos cognitivos adequados e estabelecer um plano de ação.

Embora todos temos a capacidade para planejar, algumas pessoas fazem isso de outra maneira. Esta função executiva depende de elementos como a plasticidade cerebral (ou neuroplasticidade), mielinização, estabelecer novos caminos ou conexões sinápticas, etc. Para planejar eficazmente, você precisa das informações necessárias, mas também precisa ser capaz de estabelecer mentalmente uma síntese adequada de todos os dados.

A deterioração ou alteração na capacidade de planejamento dificulta algumas coisas, como, por exemplo, a organização de um evento ou atividade, fazer compras, seguir instruções, completar uma tarefa, preparar a mochila para ir à escola, etc.

A boa notícia é que os processos mentais usados no planejamento (criar objetivos, fazer planos, etc.) podem ser treinados e melhorados com a estimulação cognitiva e um estilo de vida saudável. Em CogniFit, temos as melhores ferramentas para ajudar você a treinar sua função executiva de planejamento.

Exemplos de planejamento - Características de pessoas com pouca capacidade de planejamento

Alguns exemplos de quando usamos a capacidade de planejamento na vida cotidiana podem ser: Planejar uma viagem, fazer a lista da compra, cozinhar, fazer os deveres, preparar a mochila para ir à escola, limpar o quarto, etc.

Os adultos e crianças que apresentam déficits em sua capacidade de planejamento terão dificuldades para saber como iniciar uma terafa ou planejar mentalmente um projeto. É normal que essas pessoas se sintam sobrecarregadas ao tentar dividir uma tarefa em partes mais pequenas e razoáveis. Também é possível que teham dificuldades para entender uma ideia ou objetivo final. As pessoas com pouca capacidade de planejamento podem apresentam os sintomas ou características a seguir:

  • Dificuldade para tomar decisões
  • Dificuldade para antecipar as consequências de suas ações
  • Incapacidade para calcular corretamente o tempo necessário para fazer uma tarefa determinada
  • Problema para priorizar e decidir a importância dos passos de uma tarefa
  • Se distraem e esquecem das coisas com facilidade
  • Tendem a ter uma baixa produtividade ou criatividade
  • Podem fazer tarefas rapidamente e sem prestar atenção, ou devagar e incompletas
  • Dificuldade para pensar ou fazer mais de uma coisa ao mesmo tempo
  • Dificuldade com surpresas ou problemas inesperados
  • Demorar mais tempo do que outras pessoas para passar de uma atividade a outra

Transtornos ou patologias relacionados aos déficits na capacidade de planejamento

Os diferentes transtornos mentais ou patologias neurológicas são caracterizados por alterações ou deficiências na capacidade de planejamento de uma pessoa ou por apresentar funções executivas deficitárias. CogniFit permite os profissionais médicos a identificar e calcular com precisão esses déficits cognitivos. A avaliação neuropsicológica é uma ferramenta eficaz para ajudar o profissional a reconhecer e entender determinadas patologias e fazer um diagnóstico eficientemente.

A ausência ou deficiência na capacidade de planejamento é considerada comum nos transtornos do lobo frontal (especialmente relacionadas aos transtornos que afetam a área dorsolateral pré-frontal). Qualquer tarefa que requer planejamento, organização, memorização, gerenciamento do tempo e pensamento flexível será um desafio para as pessoas que tenham uma capacidade de planejamento deficitária.

O termo "síndrome desexecutiva" é usado para fazer alusão às dificuldades que apresentam alguns pacientes para realizar estratégias operacionais, se concentrar em uma tarefa e completá-la adequadamente. Você poderá ver como podemos encontrar uma determinada patologia ou transtorno relacionados a alterações na capacidade de planejamento de uma pessoa:

Ferramenta ou testes para avaliar a capacidade de planejamento - Como é possível detectar os déficits?

Através da avaliação neuropsicológica, CogniFit pode analisar de forma eficiente e corretauma ampla variedade de habilidades cognitivas relacionadas às nossas funções executivas e outras funções cerebrais, entre as quais está o planejamento. Todas essas habilidades foram reguladas e validadas cientificamente por estudos em universidades como a University of Tel Aviv (Tel Aviv, Sackler School of Medicine).

Para avaliar a capacidade de planejamento, usamos duas tarefas específicas baseadas em testes clássicos, como o teste TOL: Tower of London, Shallice (1982). Essas tarefas são responsáveis por avaliar como o usuário aborda um exercício e antecipa o que fazer. A parte do cérebro responsável pelo planejamento e a tomada de decisões é chamada córtex frontal ventolateral, a região que controla os pensamentos e as decisões complexas, realização de objetivos, gerenciamento do tempo e ações cognitivas, além do autocontrole. Avaliar essas áreas cognitivas nos permite identificar os aspectos importantes do planejamento e a capacidade do usuário para usar o planejamento em cada um dos exerícios. Além do planejamento, esses exercícios também avaliam a percepção espacial, a memória visual de curto prazo e a exploração visual.

O teste de concentração cognitiva VISMEM-PLAN foi inspirado nos dígitos diretos e indiretos da Escala de Memoria de Wechsler (WMS) e os clássicos testes Memory Malingering (TOMM) e o Tower of London (TOL). Cada um mede uma habilidade cognitiva diferente, usadas nas funções executivas. Esta tarefa permite uma exploração cognitiva básica para a organização, estruturação, atenção e sistematização do usuário.

O teste de programação VIPER-PLAN, usou o Tower of London (TOL) e o clássico teste Hooper Visual Organisation Task (VOT) (1983). Eles ajudarão o profissional a identificar as capacidades de planejamento e organização do usuário.

Como é possível recuperar ou melhorar a capacidade de planejamento e outras funções executivas?

Tal como qualquer outra habilidade cognitiva, o planejamento e todas as outras funções cognitivas podem ser aprendidas, treinadas e melhoradas e CogniFit ajuda a fazer isso de forma simples e profissional.

As baterias de exercícios clínicos de CogniFit proporciona ao usuário um treinamento para as funções executivas e a capacidade de planejamento mental. Através do estudo da plasticidade cerebral, sabemos que quando mais usamos um circuito neural, mas ele se fortalece. A mesma ideia pode ser aplicada às redes neurais usadas no planejamento mental.

O programa de estimulação cognitiva de CogniFit foi desenhado por uma equipe de neurologistas e psicólogos cognitivos, além de cientistas que estudam a plasticidade sináptica e os processos de neurogénese. O sistema avalia primeiro a capacidade de planejamento e as funções executivas, e, dependendo dos resultados, oferece automaticamente ao indivíduo um programa de treinamento cerebral completo e personalizado para focar nas capacidades cognitivas necessárias para melhorar o máximo possível, podendo ser a de planejamento ou qualquer outra função executiva.

Para estimular os proccessos cognitivos usados na capacidade de planejamento, você precisa treinar de forma consistente. As comunidades científicas e os centros médicos internacionais usam CogniFit para avaliar e treinar as habilidades cognitivas de seus pacientes. Você só precisa treinar 15 minutos por dia, de 2 a 3 vezes por semana.

A bateria de exercícios clínicos de CogniFit melhora o perfil cognitivo do usuário e ajuda à neurplasticidade a criar novas sinapses e circuitos neurais para reorganizar e recuperar a função das áreas cognitivas mais deficientes.

Este programa está disponível online. Os diferentes exercícios interativos são apresentados no formato de divertidos jogos cerebrais para praticar no computador ou tablet. Após cada sessão de treinamento, CogniFit proporcionará um relatório detalhado com a progressão de seu estado cognitivo.

Por favor, escreva o seu endereço de e-mail